EDUCAÇÃO E ESCOLARIDADE, OS PROBLEMAS DO BRASIL…

A imprensa e a sociedade tem levantado um clamor com relação a violência no Brasil, e todos falam em um só tom: o problema no Brasil é a educação, só que falam no sentido de escolaridade. Então vamos juntos raciocinar sobre a questão:

EDUCAÇÃO

Realmente o problema do Brasil é a educação, isso porque as famílias deixaram de dar prioridade a uma educação familiar. Os temas relacionados aos bons costumes familiares foram deixados de lado, as famílias não tem mais o cuidado de proceder corretamente na frente dos filhos. Geralmente a baixaria começa dentro de casa na frente das crianças com palavrões, é assim o diálogo dentro das famílias, a base de palavrões.

O linguajar das ruas é introduzido no âmbito familiar e através desse linguagem é que vai se formando o caráter e a personalidade da criança. Dos dois anos até a idade escolar a criança é bombardeada com palavreado imoral, ela geralmente já aprende falar palavrões como suas primeiras palavras. Assim a imoralidade começa a tomar parte na formação da criança.

Depois dos palavrões vem as atitudes, o pai espanca a mãe, a mãe por sua vez promove o maior escândalo por desentendimento e ciúmes muitas vezes fundamentado em um comportamento imoral do marido, outras sem fundamento apenas por ciúme. As brigas tem vários desdobramento os mais graves são os que acabam em mortes, e isso na frente da criança.

Mas o pior de todos, é o comportamento imoral dos pais no relacionamento com parentes, vizinhos, amigos e principalmente credores. É a dívida que não é paga, e quando o cobrador chega o pai na maior cara de pau manda o filho dizer que não está em casa. Toda malandragem, tudo que não presta a criança trás do ventre da família. O pai dá propina ao policial, ao fiscal, da propina para documentos serem agilizados em órgãos geralmente público. O pai faz gato para não pagar a conta de energia, é um monte de maracutaias que farão parte do futuro da criança.

A ESCOLARIDADE

Depois de tudo isso, essa criança é entregue a sociedade para ser escolarizada. A sua personalidade já está comprometida com tudo aquilo que viu e aprendeu como sendo o certo. O ensinamento recebido dentro da família será a grande barreira para a escolarização que todos chamam de educação, os professores terão muitas dificuldades para ensinar essa criança.

Vai ser difícil para ela aceitar que os procedimentos dos pais estavam errados, o seu relacionamento com outras crianças será dificílimo. Ela vai querer  tratar os coleguinhas como aprendeu dentro de casa, resolvendo as questões com violência. Essa tem sido a razão da violência de alunos contra professor, ao sentir que as suas razões são contraditas agridem como seu pai agredia sua mãe, ou como sua mãe agredia seu pai, ou até mesmo como eram agredido com ou sem razão.

A outra questão vem dos professores, que por terem sido vítimas do mau procedimento das suas famílias carregam em seus íntimo essa má formação de caráter, e quando tem que resolver problemas corriqueiro de alunos manifestam esse mau caráter. Geralmente agridem alunos mesmo quando estes são apenas crianças que sofrem do mesmo problema.

Na verdade o problema da sociedade com criminalidade, vícios de droga, tráfico, assaltos, roubos e outros delitos que são noticiário todos dias, tem a sua origem na família. A família é a célula mater da sociedade, se a sociedade está falida, é porque a família está falida. O grande número de divórcios, de filhos sem pai, de pais criminosos, de mães traficantes, prostitutas, ladras, é o combustível que alimenta essa sociedade podre.

A escola pode ajudar muito, pois através da escolaridade se combate muito esse comportamento ainda na criança quando se tem algum controle sobre ela, também o ambiente escolar, os amiguinhos que tem outra formação, como religião e etc, embora eu defenda que religião se ensina na igreja. Mas quem sabe essa criança rebelde possa se interessar e passar a freqüentar o local dessa religião e ali encontrar a solução dos seus problemas.

REGINALDO GERMANO

PRESIDINDO SESSÃO NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

Anúncios

Sobre REGINALDO GERMANO

Reginaldo da Silva Germano, nascido em 21 de Setembro de 1954, na Cidade do Rio de Janeiro, no Bairro de Acari, Casado pai de quatro filhos, Avô de seis netos, com formação superior incompleta, Radialista, Ex-Deputado Federal por dois mandatos, Pastor Evangélico, Fundador e Presidente da Igreja do Evangelho e do Amor de DEUS, situada na Rua Tonico de Pina, 440, Cidade de Anápolis, Estado de Goiás, Brasil.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s